quarta-feira, 30 de junho de 2010

Essa foto é histórica...


A foto é do Encontro do Grupo de Jovens JUBONC - Jovens Unidos na Boa Nova de Cristo, do bairro Aeroporto em novembro de 2000. Nesse dia foi discutido o que seria o Movimento Pró Cultura como instituição da sociedade civil. Foi nesse dia que o Movimento começou a ser fundado...

sábado, 26 de junho de 2010

Pró Cultura assina convênio como Ponto de Cultura de Minas Gerais


O Movimento Pró Cultura do dia 23 de junho, assinou o convênio com o Estado de Minas Gerais e de agora em diante, é reconhecido oficialmente como Ponto de Cultura. A entidade foi selecionada no último edital e depois de um ano de espera consolida-se como movimento cultural da periferia. O conveniamento esteve suspenso por parte da Secretaria Estadual de Cultura por limitações da legislação eleitoral. Os Pontos de cultura se sentindo lesados pela demora na efetuação dos convenios se mobilizou e articulou uma rede a nível estadual para pressionar o governo a buscar uma solução para o impasse.

Na audiência pública, realizada em BH no dia 18 de março, onde estivemos representados pela nossa vice presidente Carla Teodoro Gomes, foi anunciado que os recursos seriam liberados até o dia 30 desse mês. Sendo assim estamos aguardando o depósito dos recursos referentes a primeira parcela do projeto para começar a trabalhar...


Foto: Sandro Carrizo e o Secretário Estadual de Cultura de Minas Gerais no momento do convenimento do Ponto de Cultura

segunda-feira, 21 de junho de 2010

Pontos de Cultura assinam convênios essa semana


Depois de uma intensa batalha pela liberação dos recursos para os Cem Pontos de cultura de Minas Gerais aprovados no último Edital será efetuado, quarta e quinta feira, o conveniamento. Já a liberação dos recursos será efetuada até o dia 30 desse mês. A liberação dos recursos esteve comprometida devido a legislação eleitoral que impede liberação de recursos para entidades privadas sem que as mesmas, apresentem contrapartida.

O Movimento Pró Cultura teve o projeto aprovado em julho de 2009. Sendo assim, participou dia 18 de junho, da audiência pública na Assembléia Legislativa de Minas Gerais que discutiu a liberação dos recursos para as entidades com os projetos aprovados. Na pessoa de Carla Gomes Teodoro, estivemos representados e no uso da palavra, foi exposto o impacto negativo da não liberação dos recursos em 2010.

Felismente com o apoio dos deputados André Quintão e Carlim Moura, que convocaram a audiência pública, foi anunciado que o impasse estava resolvido. Para o Movimento Pró Cultura foi um alívio. Pois, nossos recursos estão zerados e quase fechamos o Centro Comunitário por falta de condições finaceiras de mantê-lo.

Na oportunidade, agradecemos a todos os companheiros Pontistas de Minas Gerais que uniram suas forças na pressão junto ao governo conquistando o tão esperado conveniamento. Agradecemos ainda, a todos amigos que foram solidários com entidade, partilhando conosco, nossas angústias e medos de não realizar o projeto.